TCE

Tribunal suspende compra sem licitação realizada pelo Governo às vésperas da eleição

Já havia sido muito curioso, no dia 22 (a quatro dias das eleições), o Governo do Estado ter realizado uma estranha aquisição de material didático, no valor R$ 10.588.921, sem a realização de licitação, às vésperas da eleição. Era esperado que houvesse reação de setores da sociedade, e essa reação veio com a Associação dos Procuradores do Estado (Aspas), que impetrou um mandato de segurança, e a compra foi suspensa.

juiz Tércio Moura

Justiça nega pedido do governador para amordaçar jornalistas e fechar empresas

O juiz-corregedor Tércio Chaves de Moura, do TRE, acaba de indeferir ação impetrada pelo governador Ricardo Coutinho, através de advogados, para empastelar blogs, jornais e empresas de rádio e TV, até o final da eleição. “Não vislumbro a fumaça do bom direito, que justifique a medida extrema pleiteada”, afirmou o corregedor regional eleitoral. Há dois dias, o jurídico do governador impetrou ação (AIJE – Ação de Investigação Judicial Eleitoral) contra vários jornalistas.

Manuel Jr4

“Governo que superfatura até papel higiênico é capaz de tudo”, diz deputado

“Ricardo Coutinho tem se notabilizado pelas compras superfaturadas que faz no Governo. O gestor que aumenta o valor na compra até de papel higiênico é capaz de tudo”. A declaração foi dada pelo deputado Manuel Júnior, referindo-se a recente compra de material didático no valor de R$ 10.588.92, “sem licitação, o que é um fato estarrecedor em pleno processo eleitoral”.

DebateTVCaboBranco2014

Quem ganhou o debate da TV Cabo Branco?

Sempre que termina um debate as pessoas querem logo saber quem ganhou. E quem ganhou o debate das TVs Cabo Branco e Paraíba? Ricardo Coutinho ou Cássio Cunha Lima? Na verdade, nos dias anteriores havia a expectativa que Ricardo iria acuar Cássio, como chegara a fazer em debates anteriores. Então, sob essa perspectiva, Cássio conseguiu reverter os prognósticos.

Escolas fechadas

Na Paraíba é assim: Governo retira R$ 350 milhões da educação

Está na cartilha de todos os países que alcançaram o progresso: não existe um modo de desenvolver uma nação que não seja pela via da educação. Por isso, meu caro Paiakan, impressiona que o governador Ricardo Coutinho vá na contramão da história, e decida cortar R$ 350 milhões do orçamento da Secretaria de Educação, para o exercício de 2015.

Ministro Dias Tófolli

TSE arquiva ação de “farsa” e ex-secretário é processado criminalmente

O Tribunal Superior Eleitoral encerrou ação movida por advogados do governador Ricardo Coutinho contra o senador Cássio Cunha Lima, no caso envolvendo denúncia de compra de apoio de prefeitos. A denúncia, como se sabe, teve por base gravação telefônica de uma ligação realizada pelo ex-secretário Sales Dantas (Pesca), para o prefeito de Caiçara, Cícero Francisco (PSB). O ministro Dias Toffoli, presidente da Corte, determinou o arquivamento da ação. O ex-secretário Sales Dantas, autor da ligação telefônica, está sendo processado criminalmente.

Girassoca2014

Frustação na girassoca: Lula não vem e Romário anuncia voto em Aécio

O governador Ricardo Coutinho, candidato do PSB, encerrou sua campanha em João Pessoa, com a realização do “girassocas”, mas o evento foi marcado por desencontros. Primeiro, foi anunciada, através das redes sociais, a presença do ex-presidente Lula. O que efetivamente não ocorreu, frustrando alguns admiradores do petista.

Pâmela Bório na Época

Pâmela sinaliza votar em Aécio: “O voto é meu, não é de marido…”

A primeira-dama, Pâmela Bório, voltou às redes sociais e voltou com tudo. Tanto que acaba de se tornar manchete nacional na Revista Época. O jornalista Felipe Patury acaba de repercutir postagens da Pâmela, em que nega votar na presidente Dilma, e, pra não deixar dúvidas, afirma: “Eu não sou vaca para precisar de aboio… O voto é meu, não é de marido.”

Walter Brito adere a RC

Walter Brito anuncia adesão a Ricardo Coutinho

O ex-candidato ao Senado Walter Brito, anunciou esta tarde adesão ao governador Ricardo Coutinho. Walter disputou a senatoria pelo PTC, partido que preside no Estado, e ficou em 5º lugar, com apenas 11.063 (0,63%). Terminou atrás de Zé Maranhão (PMDB – eleito), Lucélio Cartaxo (PT), Wilson Santiago (PTB), Leila Fonseca (PROS) e Nelson (PSOL).